Papel Offset – Papéis na papelaria personalizada – Parte 4

papel offset

Um guia completo sobre os papéis utilizados na papelaria personalizada

Continuando a série sobre os papéis utilizados na papelaria personalizada, hoje, vou começar a falar sobre os tipos de papel, começando pelo tão popular papel offset.

Se você não viu os outros posts da série sobre os papéis utilizados na papelaria personalizada, vou deixar o link a seguir para você.

Papel Offset

Produzido para ser impresso em larga escala e com custo baixo, o Papel Offset tem acabamento poroso. Ele é indicado para produtos onde o cliente possa escrever, como, por exemplo, papel timbrado, bloco de notas, agendas etc.

Apesar de muitos acharem que o Papel Offset é igual ao Papel Sulfite, há diferença entre eles, principalmente no formato comercializado e no processo de fabricação.

O Papel Offset é produzido com polpa química branqueada e possui alta resistência. Além disso, a cola utilizada durante a produção do papel offset é fabricada a partir do amido. Daí vem sua resistência ao processo de impressão que também tem o mesmo nome, o Offset, e que utiliza água.

Ele é um papel ainda mais absorvente do que o papel Sulfite e funciona como uma verdadeira esponja, absorvendo toda a tinta.

É por isso que esse tipo de impressão sempre fica com o aspecto “lavado”, sem vida, principalmente quando a imagem a ser impressa possui muitas cores.

Você pode se interessar por

O Papel Offset é muito utilizado em livros, cadernos, selos e materiais promocionais. Ele pode ser utilizado em impressora jato de tinta ou impressora laser.

Podemos encontrar também Papel Offset adesivo em diversas gramaturas.

É comum encontrarmos pessoas reclamando da dificuldade de conseguir cores vivas na impressão no Offset, e buscando a melhor configuração de impressão.

Por isso, fiz uma pesquisa das configurações de impressão mais utilizadas nas impressoras da Epson (marca de impressora mais utilizada na papelaria personalizada, juntamente com as impressoras Canon e HP) e que tem dado resultado positivo de impressão.

Vale ressaltar que cada impressora é única e que os papéis podem variar de acordo com sua marca, e, por isso, as configurações dadas na Tabela 1, podem ou não funcionar.

Elas são apenas orientativas e devem servir como base para quem quiser encontrar a melhor configuração para sua impressora.

Tabela 1 – Configuração de cores para impressora Epson

Tipo de papelQualidadeModo de coresBrilhoContrasteSaturaçãoDensidade
Cores clarasComumAltaAdobe RGB5555
Cores escurasComumAltaAdobe RGB55255
Modo de cores, brilho, contraste, saturação e densidade estão na parte de configurações avançadas

Na minha pesquisa de configuração, percebi que não há um consenso sobre a melhor configuração. O importante é você fazer vários testes até encontrar aquela que te agrada mais.

E lembre-se: se você quiser uma impressão com brilho, com cores vivas, você não vai conseguir isso usando o Papel Offset. Para isso, você deve usar uma Papel Fotográfico.

Uma das vantagens em utilizar o Papel Offset é que ele não desbota com o tempo. Porém, se cair uma gota de água nele, ele irá manchar, se tiver sido impresso em impressora jato de tinta.

A Tabela 2 mostra as características do Papel Offset e a Tabela 3, as Vantagens e Desvantagens em usar o Papel Offset.

Tabela 2 – Características do Papel Offset

CustoDesbotaImpressora
BaixoNãoJato de tinta e Laser

Tabela 3 – Vantagens e desvantagens do Papel Offset (ver Figura)

VantagensDesvantagens
Disponível em várias lojasImpressão “lavada”
Baixo custoNão é considerado um papel nobre
Não desbotaMancha se pingar água
Uma das marcas de papéis mais utilizada na papelaria personalizada é a Filiperson. Vou deixar o link do site da Amazon para quem quiser comprar o papel offset da Filiperson.
papel offset
Figura – Vantagens e desvantagens do Papel Offset

Não perca o próximo post

No próximo post continuarei falando dos tipos de papel e será sobre o papel sulfite. Não perca, ele será publicado no dia 05/02/2021.